Notícias

Segmento de Educação impulsiona crescimento em compra de espaço publicitário pelo setor de Serviços ao Consumidor

Comércio e Varejo também tem desempenho expressivo mesmo diante da crise econômica, indica estudo da Kantar IBOPE Media

Na contramão do desaquecimento do cenário econômico, alguns setores intensificaram seus esforços em publicidade no último ano. Este é o caso, por exemplo, de Serviços ao Consumidor, que avançou 25% em compra de espaço publicitário em 2015 na comparação com o ano anterior, ficando em segundo lugar entre os setores de maior volume, atrás apenas de Comércio e Varejo. Os dados são do estudo Retrospectiva & Perspectivas 2015, da Kantar IBOPE Media.

O bom desempenho do setor de Serviços ao Consumidor em publicidade pode ser explicado, em boa parte, pela alta do segmento de Educação Complementar, representado pelos cursos de idiomas, técnicos profissionalizantes e preparatórios para concursos públicos. No último ano, a categoria investiu R$ 1,7 bilhão, o que representa um aumento de 68% em relação a 2014. Outro segmento que apresentou crescimento significativo em compra de espaço publicitário foi o Ensino Escolar e Universitário, que passou de R$ 2,1 bilhões em 2014 para R$ 2,5 bilhões em 2015, um aumento de 20%.

“A elevação do índice de desemprego, que atingiu 8,5% no ano passado, teve como consequência um forte movimento de pessoas que procuraram se preparar para a recolocação no mercado de trabalho. Além disso, os profissionais já colocados buscaram qualificação para manter seus empregos. Atentos às oportunidades, os anunciantes do segmento souberam aproveitar o momento favorável para se posicionar”, observa Rita Romero, diretora de Monitor da Kantar IBOPE Media.

Para saber mais sobre panorama do mercado publicitário brasileiro em 2015 e as tendências para este ano, acesse o estudo Retrospectivas e Perspectivas.